sexta-feira, 31 de julho de 2009

Fuck you very much

A Me Hate escreveu e eu pimbas, não vou de modas e de repente dou comigo a ler e a dizer para um ecrã que não ouve a ponta de um corno "ya miúda, é que é mesmo isso, por vezes dá vontade de dizer só fuck you very much" e ... epá, e porque não?

Se:

1. dá vontade
2. tenho oportunidade

então porque não dizê-lo sem ser só na caixa dos comentários da môça?


Por isso, fuck you very much.



UFFF!!! O alívio. Está dito.

Mesmo que quem se fuck very much themself não "ouça".

Digo "alto e bom som" enquanto me imagino um cavalheiro galante do séc. XIX que passa, de casaca e flor na lapela, polainas polidas e brilhantes, assobiando alegre e distraidamente ao descer a avenida aromatizada por jacarandás que ao cruzar-se com (outro) cavalheiro farsola e arrebitado que cinicamente me cumprimenta de mão no chapéu eu respondo tirando a minha cartola elegante e com largo sorriso na cara, fazendo uma vénia, digo de forma convincente: fuck very nice, go fuck yourself very much.

2 comentários:

Me Hate disse...

Feeling better???????? ;)

Thunderlady disse...

Feeling sooooooooooooo much better :D